Mapa Pergunte Decore Hiragana

OVAs e ONAs de anime - o que são

6 de fevereiro de 2016
Vez ou outra você assiste uma série de anime e descobre que também tem uns "OVA" do anime. Ou talvez você está assistindo uma série que é completamente em OVA. Quem sabe até um raro ONA. Mas pera aí, que que é isso mesmo?
O nome em si é meio confuso.

Para começar, OVA ou oobuiee/オーブイエー é na verdade a sigla de originaru bideo animeshon/オリジナル ビデオ アニメーション, que vem do Inglês Original Video Animation.

Porém, a frase Original Video Animation é somente usada para OVA de anime. Antes de OVAs serem chamados de OVAs no Japão, essa frase não simplesmente existia. Ela soa estranha para quem está acostumado com Inglês, e nunca teria sido criada para uso em um país que falasse Inglês!

Traduzido para o Português, Original Video Animation seria "animação original em vídeo" ou "animação em vídeo original." É lógico que qualquer animação, anime, seria em vídeo, mas o significado aqui é outro.

Séries de anime normalmente passam na TV. O padrão de 12/13 episódios de 20 minutos cada, indo ao ar uma vez por semana, quatro semanas por mês, para terminar um cour cada trimestre. O trimestre também vira uma temporada, como verão, inverno, etc. Poucos animes chegam a 52 episódios, 52 semanas, 4 cours, ou um ano inteiro no ar.

Dá pra ver que a TV é um lugar meio restrito para fazer anime. Imagina o trabalho de um diretor para fazer um episódio de 20 minutos terminar num bom ponto da história para o próximo episódio continuar. Em alguns animes, isso simplesmente não é possível.

Para esses animes mais complexos, sempre há a opção de fazer um filme. Uma ou duas horas sem interrupção, sem pausa para comercial, sem esperar a próxima semana. Seria a opção ideal para histórias longas, mas o que acontece com histórias muito curtas? Ninguém vai ao cinema para assistir um vídeo de menos de 20 minutos!

Dá aí que surge o OVA. Um OVA é um anime que não é feito para TV, nem feito para o cinema, mas sim feito para ser gravado em vídeo, como num VHS, CD, DVD, Blu-ray, ou seja lá o que tiver no futuro.

Séries de anime de TV normalmente são vendidas em DVD/Blu-ray, e não há nada que realmente impeça um OVA de ser exibido na TV. O "original" de original video animation vem de ter sido feito originalmente com objetivo de ser gravado em disco, em vez de ter como objetivo ir para TV.

A indústria de anime gosta de juntar essas duas coisas. Você pode encontrar vários episódios "especiais" em blu-rays de animes junto dos episódios que foram ao ar na TV. Esses OVAs adicionais estão lá para motivar fans a comprar os discos.

A coleção blu-ray de Angel Beats!, por exemplo, inclui dois OVAs: Angel Beats! Stairway to Heaven e Angel Beats: Hell's Kitchen.

ONA é meio diferente de OVA, mas dá para ver na sigla que tem haver. Orignal net animation, anime feito originalmente para internet, também conhecido como web anime/ウェブアニメ.

Do mesmo jeito que OVAs, ONAs podem ser episódios especiais de alguma série acessíveis na web, ou até mesmo uma história completamente feita para internet.

O anime Bounen no Xandou é um exemplo de ONA com 26 episódios de 20 minutos cada, o mesmo tamanho de um anime de TV de 2 cours. A diferença é que Bounen no Xandou foi feito para internet, ou melhor, o anime foi lançado no serviço de download de vídeo da Playstation Network. Sim, PSN, de Playstation 3 e PSP. Tecnicamente falando, se é para baixar, é internet.

Após isso esse ONA começou a ser vendido como blu-ray, do mesmo jeito que um anime de TV seria.

O importante é a letra O de ONA e de OVA. Se o anime foi feito originalmente para ser baixado na internet, ele é ONA. Se foi feito originalmente para disco, ele é OVA.

2 comentários:

  1. Olha... ajudou muito, até agora não entendia o que era ONA, obrigado pela explicação.

    ResponderExcluir
  2. Sim. Ajudou msm. Muito obrigada tbm!! xD

    ResponderExcluir

Deixe seu komento コメント no posuto ポスト desse burogu ブログ